19 de setembro de 2011

Dez caralhos

Canseira é a palavra do dia, porque eu me sinto a maior filha da puta sofredora [nem é associação ao fato de ser corintiana] e me odeio por sentir assim, eu odeio coitadismo, a minha vida podia ser pior, eu sei. A sua também, mas você reclama mesmo assim, certo? Me deixa então.

Pode me xingar de dramática, maluca, sem noção que xinga muito nas internê, o dia tá tão completamente na merda que não ligo, será a cerejinha do bolo que eu não posso comer.

Eu tô cansada...

Cansada pra caralho de não ter uma filha da puta de uma pessoa que me faça cafuné enquanto eu chore querendo que o mundo acabe.

Cansada pra caralho de trabalhar, me foder, nem gozar com isso e ainda continuar pobre.

Cansada pra caralho de acreditar em meia dúzia de palavras doces que deixo quem não deve me dizer.

Cansada pra caralho de ser burra e me enfiar, de novo, em situações que já me machucaram antes.

Cansada pra caralho de não me aceitar como sou.

Cansada pra caralho de não integrar a turma de sucesso do último verão.

Cansada pra caralho de competir com a Terra em volume d'água ao beber 5 garrafas de água por dia e fazer dieta.

Cansada pra caralho de ser mulher, queria mesmo ser homem e ter um caralho, porque "a vida é muito menos visceral quando se carrega um pênis consigo"

Não há melhor frase que caiba nesse momento, ter um caralho seria uma solução.

6 comentários:

Anônimo disse...

Se tivesse um caralho ia dizer que a vida é mais fácil pra mulher, porque controla tudo com a buceta.

Milla Pupo disse...

Se eu tivesse um, não teria a tão clichê TPM, é basicamente disso que tô falando ;) nada é mais fácil pra ninguém.

Gharcia disse...

Eu ia escrever alguma coisa mas passou de 85 palavras. Desisti.
Gosto de vc como mulher. Parece ser uma belo espécime. Pena que sinta assim o mundo. Somente através do que está errado. Pena maior ainda que more tão longe. Tenho cafuné estocado desde quando era vivo. Antes de perceber que, mesmo sendo mais fácil, eu fracassei em ser homem. Espero seu sorriso quando esta onda passar. Conta comigo.

Milla Pupo disse...

Hoje foi o típico dia em que deveria ter ficado na cama, seria mais seguro, só isso. Mas obrigada pelas palavras, vou aceitá-las como um cafuné virtual ;)

Milena disse...

um caralho pode até ser a solução, mas eu acho que a confusão toda independe de caralhos ou bucetas. a vida é mesmo essa porra toda junta,

Yuri Kiddo disse...

não importa o tamanho ou a quantidade de caralhos, a vida é essa porra, deve-se saber gozar.

direções indicam pessoas, pessoas também são caminhos. nós somos carinhos, façamos mais caminhos para mais carinhos sem direções.